Sobre comentários a comentários...

...não comento.
Ou faço por não comentar.
O espaço de comentários é livre e aberto às visitas. Já tive comentários divertidíssimos e outros meramente destrutivos. Ainda aí estão todos.
Faço o possível por não ser parte activa nesse processo - o espaço dos comentários é de quem visita e não meu.
Claro que, de vez em quando, dou um lamiré, porque também faço aqui o que me apetece.

Abraço a todos e obrigado pela visita.
Mais: obrigado por se darem ao trabalho de escrever e participar; é bom ter-vos cá em casa.

6 comentários:

abox disse...

boa sorte neste novo projecto :)

S. disse...

Já sabes que é sempre bom ver-te, ler-te, escutar-te, seja em que janelinha for.
:)X

Professor Pardal disse...

Vedetismo?

Carlos disse...

"Vedetismo?"

...às tantas. Tanto vedetismo como aquele que me leva a comprar papel higiénico de folha dupla.

Menina_marota disse...

Adoro ler comentários!! eheh

Toni burgesso disse...

A mim fazem-me confusão certos comentários, acho muito bem que se ponha à parte de discussões estéreis.
Não acredito como é que há gente que perde tempo a escrever comentários enormes.
Lêem-nos. E escrevem.
E lêem-nos. E escrevem mais um pouco.
E às tantas quem os está a ler pensa: "Grande porcaria de comentário desconexo e descontextualizado, mas se eu páro de ler agora e o tipo diz alguma coisa interessante?! Acho que vou continuar a ler". E continuam. Porque, por muito que o comentário seja ridículo a malta não pára de ler.
Eu não era capaz de vir para um blog enchê-lo com comentários ridículos, longos e imperceptíveis. Não me está no sangue.
É pá, não está. E escusam de dizer "Ah, só um bocadinho."
Esqueçam, a mim não me apanham nessas manias, ainda por cima a esta hora da noite.