Ena, é Halloween. Ena.

É uma festa portuguesa, concerteza.
Fala-se do Halloween como se soubessemos sequer do que se trata, mas temos esta mania de importar tradições que não nos dizem respeito, desde que nos cheire a pelo menos um pouco de potencialidade comercial.

Para os que, apesar de tudo, insistirem em assinalar a data da noite das bruxas, então pelo menos façam as coisas em condições. Em vez de abóboras de plástico, façam uma a sério!
Aqui fica um tutorial.
Parece fácil, bolas.

1 comentário:

aifos disse...

BRUTAL!!!...apesar de não achar gracinha nenhuma ao halloween...