Como começar o ano com um engasgo financeiro ou Como estragar uma bela semana de inverno ou Como bater o recorde de palavrões num dia

Receita ímpar:
- descobrir que o carro tem uma avaria de reparação inadiável
- ter que chamar um canalizador lá a casa
- arrebentar a correia dos estores
- pagar internet, telemóvel, àgua, luz e renda.

É tiro e queda.

5 comentários:

aifos disse...

Pior era se não tivesses o carcanhol para pagar tudo isso..aí sim..é que tu irias ver a tua vida a andar para trás...e entravas no guiness como o tipo mais desesperado do Ano...

Eduardo Ramos disse...

Espera até vir a conta do Gáz!!!

Kane disse...

Até parece que algum dia estiveste melhor...

Um abraço,

Kane

ma disse...

... Ou então uma execução fiscal de 300 oiros. Talvez alheia, de pessoa homónima. Quiçá de um qualquer biltre de Caxias, coxo, em tempos áureos um péssimo actor porno de ferramenta diminuta, mal tatuado e com fraca dentição, mas a partilhar o mesmo número de contribuinte.

Não estando muito afastado de uma realidade que me é intrinsecamente familiar, não a descrita, nem mesmo aquela da ferramenta, mas outra, menos escabrosa e muito mais financeira, olha que é bem possível.

Engoliste as passas ou será má altura para perguntar?

Dissendium disse...

Só há uma expressão para isso: LOL. A sério, isso é uma boa maneira de ver a vida a andar pra trás num instantinho, mas há coisas piores... se o carro não tivesse arranjo, se tivesse que partir a casa toda para renovar a porcaria dos canos todos porque estão furados e repassa para o vizinho, se os estores tivessem caído na cabeça e causado um traumatismo craniano, se não houvesse dinheiro para pagar a água, luz, internet, telemóvel e se estivesse desempregado e se em vez de pagar a renda se fosse despejado. Aí sim, tinha graça...