Em breve numa sala perto de si

Vem aí coisas boas, minha gente, e coisas menos boas mas daquelas que têm que ser vistas no cinema...
Comecemos pelas estreias previstas para breve no nosso país.

Dia 15 de Novembro estreia finalmente "American Gangster", o novo de Ridley Scott, com a dupla explosiva Denzel Washington e Russell Crowe. A história é uma espécie de "Padrinho" mas desta vez black&white. O trailer promete:

Para 22 de Novembro, chamada de atenção para duas possíveis preciosidades. Uma é um destravado filme de acção, com mais balas por centímetro quadrado de película do que a maioria dos filmes do Rambo.

Tomem nota ao trio de actores: Clive Owen, Paul Giamatti e... Monica Bellucci. Para quem, como eu, anda com fome de ver um filme de acção ritmado, sem grande noção de realismo mas com muito boa disposição, parece ser uma grande aposta. A receita? Bang, bang, bang, fun fun fun. Só o trailer já promete soltar adrenalina:

Ainda na base das loucuras, o anseado regresso da dupla de "Shaun of the Dead" (brilhante!!!), Edgar Wright e Simon Pegg, está marcado também para 22 de Novembro, com este hilariante "Hot Fuzz":

O que é que acontece quando um super-polícia é despromovido para uma pequena e pacata vila? Violência moderada. Promete ser, mais uma vez, genial.

Ainda sem data prevista para o nosso Portugal está um remake que tanto pode ser genial... como aquilo que tecnicamente no mundo do cinema se chama "uma grande banhada". Estou a falar do novo de Will Smith:

Do mesmo realizador do fraquinho "Constantine", com Keanu Reeves, e de vídeos de Jennifer Lopez e Britney Spears (sem comentários), chega este "I am Legend". A história é uma promessa intelectual de um gabarito digno de nobel da literatura: planeta é atingido por um vírus que transforma toda a gente em zombies menos o nosso herói que é imune. Pronto, já está. Mas não desistam ainda, vejam o trailer:


E agora, last but not least, coisas sérias.
Quem está em alta no mundo do cinema é o extraordinário Javier Bardem (lembram-se do brilharete do rapaz no "Collateral", já para não falar de "Mar Adentro"?).
Pois este nosso amigo está de regresso e com duas grandes, grandes promessas.
Uma é finalmente a adaptação a cinema de um dos melhores livros de todos os tempos:

"Amor em Tempos de Cólera", de Gabriel García Marquez, vai finalmente ver a luz do projector pelas mãos de Mike Newel, um relizador que nunca mostrou talento acima da média mas que foi responsável por coisas muito boas como "Quatro Casamentos e Um Funeral", "Donnie Brasco" e o último "Harry Potter". Será que o filme estará à altura do prefácio do livro?


Mas a película mais esperada com Javier Bardem é outra, a nova jóia da coroa dos irmãos Coen.

Adaptada do romance do senhor Cormac McCarthy, "No Country for Old Men" promete ser a bomba do ano, com interpretações de gente como Tommy Lee Jones, Josh Brolin e Woody Harrelson, além do nosso vizinho Javier Bardem, que parece encarnar um dos melhores psicopatas de todos os tempos.
Como sou amiguinho, aqui fica o genial trailer da coisa:


E pronto. Corram para as bilheteiras.

2 comentários:

João disse...

Este "I am Legend" faz lembrar X-FIles, não faz?

Pratas disse...

O Hot Fuzz e o American Gangster já vi. São os dois muito bons.