Pois estive ausente, e então?

Estive uma semaninha ausente deste meu muy querido belógue, porque a vida tem outras prioridades que não a tagarelice digital.
Mas obrigado a todos os que enviaram mails a reclamarem alguma dignidade da minha parte em manter a coisa actual. Foram chatos como a potassa, seja lá o que isso quer dizer.
Se querem saber o que andei a fazer, não é da vossa conta.
Mas posso dizer que, além de andar empenhado numa nova peça de teatro que está cada vez mais perto de acabar de ser escrita (o Nuno "Karmatoon" Matos é um dos responsáveis pelo entusiasmo), andei às voltas com o mundo (que existe) para além da net.
Aproveito para algumas notas de rodapé:

- As sextas continuam quentes no "LiveIn", em Lisboa, perto da antiga torre da Galp na zona Expo. São as noites de comédia do Sindicato, com uma freguesia considerável, num espaço pequeno o suficiente para manter uma proximidade e um ambiente mais chegado. Vale a pena descobrir.
Claro que há mais espaços interessantes. Esta quarta-feira, por exemplo, vou estrear-me no "Coffee&Pot" de Alcântara. É por volta das 22:30. Ou 23, vá. Apareçam. Quanto aos restantes locais, vou avisando por aqui, não se preocupem.


Finalmente consegui fazer uma piada que andava entalada debaixo da língua há imenso tempo. Eu explico.
Os senhores da PT foram finalmente lá a casa instalar o novo serviço da rapaziada, o MEO. E fiquei espantado: funciona como dizem na publicidade. Um misto de TV+Net+Telefone via linha telefónica (não me perguntem como é que eles conseguem), o MEO deixou-me com um sorriso de orelha a orelha. Primeiro, como já disse, porque funciona. A net corre veloz, o telefone fixo está lá funcional como um futuro mono e a televisão tem boa imagem, fluída e com canais simpáticos. Mas o que vale mesmo a pena são os serviços secundários. Graças à sua box especial, o Meo permite gravar até 100 horas de emissão televisiva, fazer pause a qualquer momento na emissão em directo e retomar mais tarde, programar gravações até de séries completas e alugar vídeos on-line com o simples carregar de um botão e com preços que vão de 1€ a 3€ para 24 horas de disponibilidade. Muito bom, pelo menos até agora.

O que me leva à tal piada que andava louco para dizer.
Fui à loja da TVCabo e disse-lhes que queria cancelar todos os meus serviços com eles. Inevitavelmente, o funcionário perguntou-me porque razão eu queria deixar de ser cliente.
E foi aí, meus amigos, que me pude vingar:
"- Sabe, é que afinal vocês têm mesmo razão. Há coisas fantásticas. Estão é na concorrência."

Soube bem.

1 comentário:

Jimi disse...

Olá

Já a algum tempo que não tinha tido a possiblidade para visitar o teu blog, mas finalmente pude cá vir. De resto fora a publicidade e já agora para acrescentar "fora com a Clix"(muito mau serviço, 24 Mb quem dera, raramente passa dos 2 Mb). Mais uma vez para quando um espectaculo cá para o norte???
Só mais um promenor e passo a citar "- Sabe, é que afinal vocês têm mesmo razão. Há coisas fantásticas. Estão é na concorrência."
BOM, realmente muito BOM. Na muche como se costumava dizer.

Adriano